Nutrir é Viver

Como Driblar as Compulsões

em 01/10/2013

Garfield

A compulsão alimentar é determinada pelo consumo de grande quantidade de alimento em curto período de tempo. Comer compulsivamente pode ter diversas razões, pode ser uma questão emocional desencadeada por sentimentos de tristeza, felicidade, angústia, raiva e outros sentimentos. Outra causa pode ser o período prolongado de jejum, quando o seu corpo envia sinais de fome e você nega esse sinal por algum motivo e, ao se alimentar após esse período, pode ter dificuldade de parar. Outra razão para a compulsão acontecer é a restrição de um alimento muito desejado e sua compensação por outro ou outros, isso acontece com freqüência com doce. Muitas pessoas acreditam que comer doce é “crime”, então se “auto-proibem” de consumir alimentos desse grupo. Um exemplo bem comum é ter vontade de comer um chocolate, bolo ou outro docinho e não se permitir este consumo. Após um período, pode ser longo ou não, não é incomum essa mesma pessoa que restringiu algo atacar a geladeira e/ou dispensa e comer, em curto espaço de tempo, uma quantidade exagerada de um ou vários alimentos. Sabe qual o problema disso? Você não aproveitou o que comeu. Comeu de tal forma que a partir de certo ponto, o alimento perdeu o gosto e você nem percebeu. E aí eu pergunto: Não era melhor ter comido um chocolate? Ou um pedaço de bolo, ou até dois, se o bolo estivesse muito gostoso.. Você não acha que teria aproveitado mais? E pensando em calorias, dois pedaços de bolo seriam provavelmente menos calóricos do que um pacote de biscoito ou qualquer outro alimento que consumido em grande quantidade. Faço uma ressalva para a preocupação com calorias, pois de tanto se preocupar com esses números, nos deparamos com uma sociedade que não come comida, mas sim calorias. Isso gera uma ansiedade tão grande que alimenta a compulsão alimentar.

Para driblar o exagero na hora do consumo, você pode sentar à mesa e colocar em um prato uma quantidade de alimento que satisfaça a sua vontade e fome. Guarde o alimento, dificultando seu acesso e coma aquele do prato. Se depois de comer aquela porção ainda não estiver satisfeito, coloque uma quantidade que seja suficiente para matar a fome. Evite realizar outras atividades enquanto estiver comendo, como assistir televisão e mexer no computador, pois sua atenção é dispersada e sua interpretação de saciedade pode ser retardada.


Beijos Gabi

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: