Nutrir é Viver

Ciclo de (todas) Dietas

 

Die + t

O que é comer normal para vocês?
O comer normal respeita as necessidades do nosso corpo: fome, vontade e saciedade. Lindo na teoria, porém pode ser muito difícil colocar em prática o comer normal. Quando um profissional – ou outra pessoa – determina o horário, o tipo de comida e a quantidade que uma pessoa deve comer e essa pessoa rege sua alimentação seguindo tal recomendação, automaticamente passa a seguinte mensagem para o corpo “eu não estou te escutando” ou “estou te ignorando” e o corpo consegue lidar com esse “descaso” por um tempo limitado. Com o passar do tempo ele precisa “repor” a energia que foi privada e assim exigirá mais comida. De maneira simplista, pode-se dizer que esse é o ciclo das dietas, que começa com o sentimento de insatisfação corporal (Me sinto gordo/a). Como foi aprendido que para emagrecer é “preciso” restringir comida, a maioria das pessoas inicia a tal dieta: corta esse alimento, diminui uma categoria de alimento, corta aquela coisa gostosa “nem sei se engorda, mas como eu gosto deve engordar” e assim a variedade passa a ser limitada e a alimentação vira uma rotina monótona, sem prazer e automatizada e o pensamento é direcionado para todas aquelas comidas que foram excluídas ou reduzidas da alimentação. Passado um tempo (pode ser 1 hora, 1 semana ou 1 mês) o corpo não consegue lidar com tantas privações e emite sinais cada vez mais frequentes de que é necessário comer outras coisas ou comer mais.

(A restrição leva a obsessão pela comida)

(A restrição leva a obsessão pela comida)

Muitas vezes não se sabe interpretar as mensagens do corpo e são cometidos alguns excessos causados por fome, por uma sensação de “já que”: já que saí da dieta e comi 2 ou 3 bombons, vou comer mais tantos e depois retomo a dieta. Com esse pensamento a sensação de fracasso é potencializada, a insatisfação corporal persiste ou aumenta e assim se inicia um novo ciclo de dieta. Alguém se identifica? Ok, expliquei o ciclo. Mas e aí, por onde começar a mudança, ? Primeiro é importante enfatizar que não é um processo rápido e tão pouco fácil, mas garanto que é menos difícil e mais agradável, uma vez que não exige privações. O ciclo deve ser quebrado e o ponto mais “fácil” de quebra se dá no início da dieta, ou seja, não se começa nenhuma dieta. E depois??? Depois a alimentação deve ganhar uma importância considerável no cotidiano, com a reserva de um tempo adequado para a realização das refeições com calma e pestando-se atenção a cada pedaço de comida que é levado à boca. Quando e quanto comer e quando parar de comer? O corpo é muito inteligente e é necessário que se confie nele. Devemos comer quando estamos com fome (não muuuita para evitar o exagero. Quando come-se com muita fome, maior é o risco de comer demais) e parar de comer quando a saciedade for atingida. É normal ter medo desse novo estilo de “comer”, muita gente acredita que é insaciável ou que não vai conseguir parar de comer, mas o corpo tem sim limite e com o decorrer do tempo a interpretação dessas sensações vai se lapidando. Sei que parece muito diferente de tudo que se lê, mas se você está insatisfeito (a) e já tentou outras formas, provavelmente até mais sofridas, para se relacionar melhor com a comida e não foram bem sucedidas, vou aproveitar a onda de desafios e quero desafiá-los a tentar se relacionar com a comida de uma forma mais natural, escutando os sinais fisiológicos do corpo, pois temos fome, vontades, mas também ficamos sacidados e é importante escutar, reconhecer e muitas vezes atender tais necessidades.
Beijo Gabi

Anúncios
Deixe um comentário »

Adesivo da Beleza

Queridos leitores,

Por falta de tempo não estou conseguindo me dedicar ao blog como gostaria, mas sempre que possível postarei algo. Deixo aqui a página criada pela Mari no Facebook, onde ela postará curiosidades e receitas. Se quiserem nos contatar, tirar dúvidas, etc. nossos e-mails são nutrimarianaeid@gmail.com (Mari) gabigentilmonteiro@hotmail.com (meu).

Para não deixar vocês “a ver navios”, indico 2 blogs, que valem muito a pena conhecer:

O Corpo é Meu: excelente blog!! As matérias são muito interessantes e objetivas.

Não Sou Exposição: blog com bom conteúdo e matérias um pouco mais extensas.

 

Deixo hoje para vocês mais um vídeo produzido pela DOVE. Assistam, reflitam e se amem. A beleza está em cada um de nós e nos olhos de quem vê!

 
Beijos Gabi

2 comentários »

Retratos da Real Beleza

Mais um vídeo para vocês, onde poderão ver como a auto-imagem é deturpada.

 

Desejo que após assistirem esse vídeo, vocês possam admirar a imagem refletida no espelho.

 

Beijos Gabi

2 comentários »

Ditadura ou Mito da Beleza?

 

Esse é o padrão de beleza da sociedade em que vivemos hoje, que como pode-se notar é irreal.
Quem evolui e aperfeiçoa a cada dia é a indústria da beleza, já nós, somos seres humanos e portanto, imperfeitos!

 

Beijos Gabi

 

 

Deixe um comentário »

Você é o que Você Come?

Você é o que come... Mesmo?

Essa semana uma amiga mandou no grupo do whatsapp o vídeo de uma mulher gorda dançando. O vídeo gerou “reações” diversas: uma amiga ficou passada ao ver que a mulher que dança e rebola (muito bem, diga-se de passagem) ainda assim tem sobrepeso/ obesidade, outra amiga respondeu no grupo que amou a atitude dela, mas que pouco tempo atrás teria nojo da mulher. Confesso que fiquei bastante satisfeita com o comentário, acho que já demos um passo adiante no quesito “preconceito”. Porque sentir nojo? Qual a diferença entre uma magra requebrando e uma gorda requebrando (considerando que ambas dançam muito bem)? O ponto comum entre os comentários sobre o vídeo foi a forma da mulher, o que ainda mostra uma preocupação muito grande com o corpo e com a estética.

Uma pessoa obesa pode ser mais saudável que uma magra. Quando muito magra, a pessoa pode correr mais riscos de vida quando comparado à obesa.

Afinal, o que é peso? Peso é a soma da massa magra com a massa gorda, isso inclui todos os órgãos do corpo humano (intestino, pulmão, pele, ossos…). Peso nada mais é do que um número, então pergunto: qual a importância do peso para você? Não se limite a um peso, a um número. Você com toda certeza é bem mais do que isso!

Sabem aquela frase “você é o que você come”? Eu acho tão limitada. Acredito que as pessoas são também o que elas não comem, elas são o que ensinaram para elas, o que elas aprenderam, são também o que não aprenderam e são muito mais que isso. Cada pessoa tem papel diferente em diferentes grupos. Eu, por exemplo, sou nutricionista para os meus pacientes; para meu irmão sou a “plateia”, dou risada de tudo que ele fala (ele é bem engraçado) e sou meio filha dele, quer sempre mandar em mim; para meu namorado sou a maior torcedora nos jogos dele e sou companheira, para meu cachorro eu sou quem passeia e quem cuida. Enfim, o que quero dizer é que são tantos e tão diversos os significados de uma mesma pessoa, que ela não pode se resumir basicamente a ser o que come. Eu como a mesma coisa e represento tantos significados para as pessoas, que nada tem a ver com a comida. Não nos enganemos, uma boa alimentação é sim importante, mas o mais importante é encontrar o meio do caminho. Comer salada, arroz, feijão, carne, ok, sabemos que é “saudável”, mas o bolo, o pastel, a cerveja, também nos trazem sensações benéficas, nutrindo nosso corpo, alma e vida.

Se nutra com o que realmente alimenta seu corpo e alma e não acredite em tudo que falam.

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Distensão Abdominal – O que fazer?

A distensão abdominal é um distúrbio comum, que afeta 10 a 30% dos adultos. É caracterizada pela sensação de distensão ou plenitude após refeições, comumente percebida com as citações: “ter que afrouxar a roupa”, “ver a barriga inchada” e “se sentir muito cheio”. Ela pode estar associada a outros sintomas, entre eles, gases, arrotos frequentes e ruídos abdominais audíveis.

A etiologia é complexa e pode envolver diversos fatores: aprisionamento de ar, movimentos irregulares de diafragma e intestino, hipersensibilidade do trato gastrointestinal.

inchada-barriga

Possíveis causas são: viagens aéreas, mudanças da rotina alimentar, intolerância a lactose ou frutose, alta ingestão de carboidratos, sensibilidade ao glúten, constipação, infecção do trato gastrointestinal, entre outras, sendo necessário uma avaliação detalhada para guiar o tratamento.

Algumas alterações na alimentação podem levar a melhora do sintomas, dentre elas:

1. Fracionar a alimentação ao longo do dia, preconizando se alimentar a cada 3 horas em pequenos volumes.
2. Evitar alimentos de difícil digestão: leguminosas (feijão, grão de bico, soja…), brócolis, repolho, couve flor…
3. Preferir consumir alimentos de fácil digestão: batatas, arroz, alface, banana, iogurte, torradas…
4. Evitar o consumo de bebidas cafeinadas, gaseificadas e alcoólicas.
5. Evitar consumo de alimentos ricos em gordura ou frituras.
6. Não tenha pressa, coma devagar, mastigue com calma em ambiente tranquilo.
7. Fuja de alimentos que fermentam no estômago (ricos em amido, bebidas alcoólicas, leite).
8. Comece comer fibras de maneira gradual.

Vale ressaltar, que uma dieta equilibrada e hábitos de vida saudáveis são fundamentais para o funcionamento normal do organismo, o que pode evitar o aparecimento de sintomas gastrointestinais.

Para maiores informações procure um profissional da área.

Beijos Mari

 

Deixe um comentário »

Oleaginosas do Bem

Oleaginosas

As oleaginosas, conhecidas também por sementes ou frutas secas tem inúmeras funções benéficas, entre elas podem se destacar a redução no risco de câncer de cólon, mama e próstata, inibição de metástase e estímulo à imunidade da célula.

Essas frutas oleaginosas são fortemente temidas pela concentração de gordura que carregam em sua composição, porém, esse artigo é só um, entre muitos que associam positivamente seu consumo com a perda de peso.

Consumidas com moderação, podem ser adjuvantes na perda e manutenção de peso, pois contém fibra, proteína e seu teor de gordura favorece a saciedade.

A castanha de baru, seguida do amendoim, amêndoa, pistache e castanha de caju respectivamente, são as oleaginosas que apresentaram maior teor de proteína.

Por sua vez, a macadâmia, seguida da noz, que seguida da castanha de baru apresentaram maior teor de ômega-3, nutriente conhecido por seu poder altamente antiinflamatório.

Quanto aos minerais, podem ser enfatizadas a avelã e castanha de baru como fonte de cálcio; a castanha de caju e castanha de baru como fonte de ferro e amendoim e pistache ricos em sódio, portanto atenção especial aos 2 últimos itens, principalmente pessoas que tem pressão alta.

A castanha do Pará, atualmente chamada de castanha do Brasil merece destaque entre esse grupo, uma vez que é a maior fonte de selênio da nossa alimentação. O teor desse mineral varia conforme a região, porém ainda assim é considerada a maior fonte alimentar desse mineral tão importante para a atividade normal dos hormônios tireoidianos, por exemplo.

As oleaginosas são ótimas para acompanhar frutas, salpicar na salada, levar nos lanches e em outros momentos. Não há motivos para temê-las, mas são diversos os motivos para comê-las!


Beijos Gabi

5 comentários »

Bebida Diet e o (Des)Controle do Peso

Bebida Tradicional

 

 

Você prefere refrigerante diet ou normal? Atende sua preferência?

Um estudo feito com cerca de 24 mil pessoas nos Estados Unidos mostrou que o consumo de bebida normal, quando comparada à diet, pode ajudar no controle de peso. Isso porque adultos que tomam bebida diet consomem mais calorias, principalmente de snacks, do que pessoas que tomam bebida normal. 

Não estou aqui recomendando o consumo de refrigerante normal ou suco cheio de açúcar ou sem açúcar nenhum, mas por meio deste artigo tento mostrar como é importante atendermos nossas vontades vez ou outra. Percebo no dia-a-dia que quanto mais as pessoas suprimem suas vontades, mais elas “compensam” com outros alimentos. E não, depois elas não ficam satisfeitas. Um exemplo muito freqüente acontece com os carboidratos. Muitas pessoas tentam restringi-lo ao máximo, e infelizmente não associam alguns sinais e sintomas a essa restrição. Os mais comuns são o comer exagerado/ “compulsão” após um certo período de restrição, dor de cabeça, fadiga, mau humor, algumas alterações neurológicas, etc.

O refrigerante, assim como o suco e outros alimentos podem sim ser saudáveis, dependendo da forma como são consumidos, o momento, a quantidade e outras variáveis.

Entenda, não é porque é diet, light ou zero que tal alimento/ comida ou bebida não engorda, ou engorda; faz mal à saúde, ou não faz. Nenhum alimento isoladamente tem o poder de nos engordar ou emagrecer. Esses processos dependem de uma associação de muitos fatores genéticos, hormonais, metabólicos, etc. 

Para ver a matéria na íntegra clique aqui 


Bebida Tradicional

Você quer mesmo comemorar com bebida dietética? Se realmente quiser vá em frente, mas a chance de ser real essa vontade, convenhamos, é muito pequena!

 

Beijos,
Gabi

1 Comentário »

Delivery para Você Cozinhar

Essa semana estava conversando com alguns amigos e soube de 2 sites que de acordo com as receitas de sua escolha,  preparam kits, que englobam a receita, ingredientes pré preparados e porcionados para vocês colocarem a mão na massa e saborear receitas dignas de chefs.

1. Gulalá –>  Clique aqui!

como-funciona_menu

Um exemplo de preparação Cartoccio de Salmão com Couscous Marroquino e Castanhas Tostadas 

cartoccio_salmao_gde_prato_mincartoccio_salmao_gde_min

2. Commodité –> Clique aqui!

Como Funciona?

home_fluxo

 

Receitas que me chamaram a atenção:

Risoto de Aspargos ao Limão e Hortelã

Passo_4

Brieschetta de Pimenta

brusc

 

Alguém mais ficou com vontade de experimentar??

Beijos Mari

 

 

 

1 Comentário »

Mimo

Fazia muito tempo que não postava sobre algum restaurante, mas valeu a espera. O post de hoje é sobre o Mimo, um restaurante que eu estava há alguns meses para conhecer e apesar das minhas grandes expectativas, saí de lá muito bem impressionada e surpresa com a qualidade da comida e atendimento.

Minha mesa tinha sido reservada e quando cheguei ao restaurante e me identifiquei (com o nome da reserva), o garçom nos levou até a mesa, onde tinha um “mimo” pela reserva.

Mimo

Pulei a entrada, pois um dos pontos fortes da recomendação do restaurante foi a indicação de sobremesa, então fui direto para o prato principal e os escolhidos foram o Taglioline Negro com camarão, bacalhau, tomate, pimenta e ervas  e eu pedi o Cordeiro com zaatar, berinjela, coalhada e molho tahine e hortelã. Para não falar que não teve entrada, além dos biscoitinhos na chegada, outro “mimo” foi a mini batata com pasta de salmão e pimenta, estava lindo.

Taglioline

Cordeiro

Do outro prato só experimentei o camarão, que estava de comer rezando. O meu estava muito saboroso também. Fiz o pedido imaginando que era carré de cordeiro, mas quando chegou era paleta, que não é a minha parte preferida, mas estava realmente muito bom. Depois de raspar o prato, fomos para a sobremesa: empanada de doce de leite com sorvete de chocolate amargo. Não preciso nem dizer quão boa estava né?! O sorvete deles é muito gostoso e bem amargo e a empanada bem doce é de comer rezando. Sua doçura é quebrada pelo amargo do sorvete. Para dividir em 2 pessoas essa sobremesa é ótimo, pois vem 2 empanadas e eles servem já divididas em 2 pratos com 2 bolinhas de sorvete.

Empanada

Não acabou ainda. Pedimos um chá, que vem em uma xícara linda e um café e os acompanhamentos são super bem servidos e lindos, além de deliciosos (experimentei todos). Como estávamos em 2 pessoas, eram 2 unidades de trufa, 2 Madeleines e 2 Cantuccis. O nome honra o atendimento do restaurante, “mimos” durante todo o jantar.

Vale entrar no site e conhecer as opções (deliciosas) do cardápio.

Beijos Gabi

2 comentários »

Eat Clean

Se dê Conta - Genta
“Comer limpo”? “Coma limpo”? Limpo é o oposto de sujo, logo uma pessoa que não come limpo come sujo?
Esse é o atual conceito que está sendo disseminado por inúmeras pessoal, inclusive da área da saúde. Eu questiono então o que comem essas pessoas, pois eu como comida, simples assim.

As pessoas tem associado “eat clean” às frutas e hortaliças, alimentos sem glúten, sem leite, preparações protéicas, às vezes o termo também é associado a alimentos livres de agrotóxicos e outros aditivos e por aí vai. Porque um brigadeiro normal, que não seja protéico, não pode ser vinculado a esse termo? Ou um bolo bem gostoso? Qualquer alimento isolado, ou associado a outro em determinado momento NUNCA sujará alguém. Aliás, pode sujar sim, a roupa, a boca, o chão, a mesa, mas JAMAIS sujará o corpo/ organismo de qualquer pessoa.

Vejo no instagram inúmeros posts de café da manhã, lanches, almoço.. Tudo muito cheio de verde, frutas.. Isso é ótimo, pois são necessários para fornecer a energia e bem estar de cada dia. Mas são tão importantes e fundamentais quanto o pastel, vez ou outra, a coxinha e outros alimentos que favorecem o bem-estar imediato, ou não. Não se enganem, pois pessoas “saudáveis” também comem batata frita, bolo recheado de doce de leite com cobertura de chocolate, etc. O que não é saudável é não comer, ou comer e não apreciar, essas delícias.

A vida é doce, prazerosa. Permitam-se saboreá-la. Na realidade atual é muito fácil sermos dominados pelo sentimento de culpa. Culpa por não conseguir encontrar aquela pessoa querida, culpa por não estar em dois lugares ao mesmo tempo, culpa por chegar atrasado em um compromisso, por não conseguir praticar atividade física nos dias planejados, culpa por comer algo prazeroso, culpa que leva a culpa por não ter o “corpo perfeito”, o corpo almejado, aquele de capa de revista super modificado.

E se essa culpa fosse transformada em prazer? Será que não nos sentiríamos muito mais livres? Experimente trocar, quando possível claro, o sentimento de culpa por um sentimento positivo, que faça o prazer deste momento predominar na sua semana. Exemplo: deixar de ir à academia um dia para tomar sol na piscina ou então dormir mais um pouco, afinal você dormiu tarde no dia anterior. Ou coma aquele prato desejado que há tanto tempo você se proíbe. Será que ao invés de tantas auto proibições, se houvesse mais concessões, você não conseguiria fazer escolhas melhores, mais satisfatórias? Acredito que a “liberdade” seria mais verdadeira. É preciso dizer sim para poder dizer não! Dizer sim, para muitos, pode ser um aprendizado. É senso comum que o proibido é mais atrativo, mais gostoso, portanto liberte-se das auto proibições, pois deste modo você desfrutará muito mais das suas paixões, momentos gostosos e prazeres sem sentir que está “burlando regras” auto impostas.

O meu intuito com este texto é expressar o meu ponto de vista quanto a radicalização de uma “alimentação saudável”. Tudo que comemos é comida, e portanto não é sujo e não é limpo. É simplesmente…. COMIDA. São criados tantos termos para “comida” e essas invenções geram tanta angústia nas pessoas que questiono qual o objetivo de criar termos para “alimento”/ comida. No meu conceito pessoal (enfatizo!) alimento é toda e qualquer coisa que acalma, energiza e alegra o corpo e a alma.

O GENTA (Grupo Especializado em Nutrição e Transtornos Alimentares) criou uma campanha para incentivar as pessoas a questionarem suas preocupações. Quem puder entre na página e mergulhe. Achei muito bacana a campanha e o retorno da mesma. Infelizmente não consegui publicar esse post a tempo e a campanha foi encerrada, mas as mensagens estão registradas na página do facebook e são mensagens super interessantes.

OBS: A imagem do post é da campanha do GENTA. Selecionei essa por ter gostado muito da frase inicial.


Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Dia Mundial da Alimentação – 6 Fatos Sobre a Fome Mundial

Desde 1981, dia 10 de Outubro é celebrado por mais de 150 países o Dia Mundial da Alimentação com o objetivo de conscientizar a população sobre as questões de nutrição de alimentação. A cada ano, a Organização das Nações Unidas para Alimentação e Agricultura (FAO) seleciona um tema a ser abordado.

Nesse ano o tema é  “Sistemas Alimentares Sustentáveis para a Segurança Alimentar e a Nutrição”

dia mundial fome

Atualmente, fala-se muito de obesidade, sobrepeso, nutrição e estética, alto consumo de alimentos industrializados, mas, por estarmos em uma realidade distante, não nos passa pela cabeça esse problema enorme, que mata milhões de pessoas. A cada três segundos, alguém morre de fome.

Em homenagem ao Dia Mundial da Alimentação separei 6 fatos que todos precisam saber, refletir, divulgar

postfome

Para finalizar, deixo a mensagem da FAO:

“Obter a maior quantidade de comida com cada gota d’água, pedaço de terra, partícula de fertilizante e minuto de trabalho poupa recursos para o futuro e torna os sistemas mais sustentáveis” 

Mantenha a esperança e faça a sua parte.

Beijos Mari

1 Comentário »

1º de Outubro – Dia do Idoso

idosa

Dia 1º de Outubro foi instituído o DIA DO IDOSO, pela ONU, Organização das Nações Unidas, a fim de sensibilizar a sociedade para as questões do envelhecimento e a necessidade de proteger e cuidar da população que com sua experiência de vida que só tem a acrescentar.

A sociedade vem presenciando um fenômeno de envelhecimento da população, conhecido como transição demográfica. Em 2000 o Censo mostrava 14,5 milhões de idosos, representando 8% total da população. Dez anos depois, esse número subiu para 18 milhões, sendo 12% da população. Esse segmento tem crescido rapidamente, espera- se que no ano de 2025, cheguem a 32 milhões de idosos no país.

Particularmente, sou apaixonada por esse grupo, já que faço especialização em envelhecimento e tenho o prazer de conviver diariamente com pessoas queridas, cheias de histórias para contar e bons exemplos para dar!

O envelhecimento é um processo natural que traz diversas alterações fisiológicas, as quais repercutem nas condições de saúde e nutrição dos idosos. Dentre os fatores que afetam o consumo alimentar encontra-se a perda da capacidade funcional, alteração do paladar, uso de diversos medicamentos, isolamento social, dentre outros. Tais alterações afetam diretamente o estado nutricional de idosos e nesse período a alimentação é muito importante para garantir qualidade de vida!

Dentro do envelhecimento existem diversos temas que pretendo abordar no blog, mas hoje é dia de comemorar!!

Grande beijo a todos idosos!!!! Um beijo especial aos meu avós, nos quais me espelho todos os dia,  amo muito vocês!

Mari

 

Deixe um comentário »

Como Driblar as Compulsões

Garfield

A compulsão alimentar é determinada pelo consumo de grande quantidade de alimento em curto período de tempo. Comer compulsivamente pode ter diversas razões, pode ser uma questão emocional desencadeada por sentimentos de tristeza, felicidade, angústia, raiva e outros sentimentos. Outra causa pode ser o período prolongado de jejum, quando o seu corpo envia sinais de fome e você nega esse sinal por algum motivo e, ao se alimentar após esse período, pode ter dificuldade de parar. Outra razão para a compulsão acontecer é a restrição de um alimento muito desejado e sua compensação por outro ou outros, isso acontece com freqüência com doce. Muitas pessoas acreditam que comer doce é “crime”, então se “auto-proibem” de consumir alimentos desse grupo. Um exemplo bem comum é ter vontade de comer um chocolate, bolo ou outro docinho e não se permitir este consumo. Após um período, pode ser longo ou não, não é incomum essa mesma pessoa que restringiu algo atacar a geladeira e/ou dispensa e comer, em curto espaço de tempo, uma quantidade exagerada de um ou vários alimentos. Sabe qual o problema disso? Você não aproveitou o que comeu. Comeu de tal forma que a partir de certo ponto, o alimento perdeu o gosto e você nem percebeu. E aí eu pergunto: Não era melhor ter comido um chocolate? Ou um pedaço de bolo, ou até dois, se o bolo estivesse muito gostoso.. Você não acha que teria aproveitado mais? E pensando em calorias, dois pedaços de bolo seriam provavelmente menos calóricos do que um pacote de biscoito ou qualquer outro alimento que consumido em grande quantidade. Faço uma ressalva para a preocupação com calorias, pois de tanto se preocupar com esses números, nos deparamos com uma sociedade que não come comida, mas sim calorias. Isso gera uma ansiedade tão grande que alimenta a compulsão alimentar.

Para driblar o exagero na hora do consumo, você pode sentar à mesa e colocar em um prato uma quantidade de alimento que satisfaça a sua vontade e fome. Guarde o alimento, dificultando seu acesso e coma aquele do prato. Se depois de comer aquela porção ainda não estiver satisfeito, coloque uma quantidade que seja suficiente para matar a fome. Evite realizar outras atividades enquanto estiver comendo, como assistir televisão e mexer no computador, pois sua atenção é dispersada e sua interpretação de saciedade pode ser retardada.


Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Restaurante Brio – Orlando

Passei alguns dias em Orlando com toda a família. Antes de irmos, achamos que passaríamos sufoco na hora de comer, uma vez que não gostamos de fast food e a comida Americana é cheia de gordura, coisa que fugimos.  Logo no primeiro dia, fomos ao shopping Mall at Millenia e optamos por almoçar em um restaurante italiano, especificamente da região da Toscana, BRIO.

brio

A comida deliciosa, atendimento excelente, havia até cardápio em português, o que facilitou bastante na hora dos pedidos, uma vez que nem todos falavam inglês. Eles tem cardápio especial para crianças, assim como muitos restaurantes no EUA.

O almoço foi tão gostoso que voltamos diversas vezes lá e pedimos vários pratos diferentes, todos maravilhosos!

brio2 brio3

Para quem estiver indo para lá, vale a pena experimentar! Nessa época não há necessidade de fazer reserva, porém não sei como funciona em alta temporada.

Além de Orlando, diversas cidades contam com o restaurante, basta fuçar o site.

http://www.brioitalian.com

BRIO Mall ate Millenia

4200 Conroy Road, Orlando, Florida

(407) 351-8909

 

Beijos Mari

1 Comentário »

Mais Comida, Menos Contaminantes

Chapa Grill
Em geral, o processo térmico aumenta a quantidade de arsênico (As) e mercúrio (Hg) e diminui a de cádmio (Cd),  com exceção da fritura e do micro-ondas, e quando o processo envolvido não é grelhar, o chumbo (Pb) também é reduzido.

Para minimizar alguns contaminantes é indicado, por exemplo, que o arroz seja lavado antes da cocção. Considerando que a água e o equipamento utilizado na cocção não estão contaminados, essa simples lavagem remove 28% do arsênico.

O mercúrio já foi pauta aqui, mas vale ressaltar que a concentração na sua forma tóxica, denominada metilmercúrio, em espécies aquáticas dependem da contaminação do ambiente, da natureza predatória e longevidade da espécie, sendo assim as espécies maiores e predadoras apresentam maior concentração de mercúrio em seus tecidos, enquanto espécies menores e/ ou de vida mais curta têm concentrações mais baixas.

Nos estudos, o chumbo foi detectado apenas nas amostras cruas. Em frutos do mar os estudos apresentaram resultados divergentes, pois alguns mostraram que os processos térmicos reduziram a concentração de Pb, outros indicaram aumento da concentração após grelhar e tiveram estudos que não apresentaram nenhuma diferença significativa. Um único estudo demonstrou elevação da substância em carnes grelhadas em chapas quentes, uma vez que há liberação de chumbo pela chapa.

Durante o processo de aquecimento, são produzidas outras substâncias como dienoaldeído e acrilamida. O primeiro tem potencial tóxico em rins, fígado, pulmão e trato gastrointestinal e pode ser encontrado inclusive na fumaça de óleos aquecidos. Por essa razão o dienoaldeído tem sido associado ao desenvolvimento de câncer dos pulmões em mulheres expostas ao vapor de óleo durante a fritura, devendo portanto, evitar a fumaça. Já a acrilamida é uma molécula carcinogênica (com potencial para o desenvolvimento de câncer) e tóxica ao sistema nervoso. Essa substância tem aumento da concentração quando alimentos ricos principalmente em carboidrato são submetidos a tratamentos térmicos como fritar, assar, torrar e exposição ao microondas. Em condições de maior tempo e temperatura, a concentração da acrilamida eleva-se ainda mais, porém pode ser reduzida após o resfriamento do alimento que foi submetido previamente ao processamento térmico.

Listei abaixo o efeito de alguns processos na concentração de determinados contaminantes em alguns alimentos.

Bacalhau e lulas: quando submetidos a diversos procedimentos apresentam elevação de arsênico.

Robalo: aumento do arsênico quando frito e/ou exposto ao microondas. O Cádmio apresentou elevação após procedimento no microondas, enquanto o chumbo também foi mais concentrado após grelhar, assar ou expor o peixe ao microondas. Em outros peixes o cádmio e chumbo apresentaram-se reduzidos após a cocção, porém diversos outros procedimentos, inclusive a fritura, demonstraram considerável aumento do mercúrio em diversas espécies de peixe.

Frutos do mar: apesar de serem investigados diversos procedimentos, o mercúrio não apresentou significativa alteração de concentração.

Apesar de parecer que não temos muitas alternativas saudáveis, o intuito do blog é mostrar que o revezamento dos alimentos e procedimentos culinários são a melhor forma de cuidar da nossa saúde. O segredo é não comer só fritura ou só grelhado.

 

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Restaurant Week está de volta!

Restaurant Week

 

O evento que acontece 2 vezes ao ano teve início oficialmente dia 02 de setembro e término em 15 de setembro. No almoço, a entrada, prato principal e sobremesa é cobrado R$ 34,90 e o jantar sai por R$ 47,90.

Ressalto que por trás do evento tem uma ação social, que doa R$ 1,00 para Instituições beneficentes por cada prato servido. Existe um cofre em cada restaurante, onde você também pode fazer suas doações.

No site tem todos os restaurantes que participam do evento e seus respectivos cardápios.

Aproveitem o evento para conhecer restaurantes novos e/ou pratos diferentes.

 

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Fome X Saciedade

pratos_menores

Às vezes, nem tão raro assim, negamos a fome para evitar o ato de comer. A fome não é específica, qualquer alimento disponível que você goste (ou não) pode matar a fome.

A saciedade é um sinal interno para pararmos de comer e indica a ausência de fome. Ao comermos algo quando não estamos com fome, dificulta a percepção da saciedade. Essa sensação não traz desconforto, ao contrário da sensação de “entupimento” ou “estar cheio”, que por sua vez não necessariamente traduz a saciedade. Você pode estar cheio, mas não saciado.

A saciedade é influenciada por diversos fatores, entre eles os fisiológicos, como tempo de mastigação, hormônios e outros.

Parar de comer ao ficar satisfeito pode resultar em deixar comida no prato. Muitas pessoas criticam esse ato, mas por quê? Se você está satisfeito e sobrou comida, porque você deve se obrigar a comer? Essa comida restante no prato, quando não consumida provavelmente será jogada no lixo, e você se obrigar a comer faz de você o seu lixo, ou seja, você faz do seu corpo o lixo, isso está certo? Para evitar jogar fora a comida, você pode se servir de menores porções, ou então, usar pratos menores.

Porções Iguais

Você sabia que a saciedade também está relacionada à aparência visual do prato? Experimente colocar em um prato pequeno uma quantidade de macarrão (pode ser qualquer alimento, quis usar o macarrão, pois acho ilustrativo). Agora pegue um prato grande e coloque a mesma quantidade do macarrão. Talvez você não se sinta saciado comendo o macarrão do prato maior, mas ao comer o do prato menor, talvez você consiga até se sentir cheio. Se não acredita, faça essa experiência.

Comer devagar, fazer pausas entre uma e outra garfada e mastigar bem os alimentos ajudam na expressão da saciedade. Outro fator fundamental para essa percepção é comer sem distrações, portanto evite comer assistindo televisão, lendo ou fazendo qualquer outra atividade que torne a refeição uma prática automática e de importância secundária.


Beijos Gabi

1 Comentário »

Molho de Tomate Caseiro

Molho de Tomate
O tomate é rico em licopeno, substância antioxidante que ajuda na prevenção de alguns tipos de cânceres, especialmente de próstata. O licopeno tem melhor ação em presença do calor e gordura, portanto o aquecimento do tomate potencializa sua atividade.

O molho de tomate natural/ caseiro é uma opção mais saudável, uma vez que é livre de conservantes, sódio e pitada extra de gordura não desejada. Uma alternativa muito prática é fazer grande quantidade do molho e congelar em recipientes menores, assim sempre que quiser fazer uma massa ou preparação que leve a receita, já está pronto, basta apenas descongelar.

Tomate Essa receita é preparada com o “olhômetro”, preferi não padronizar a quantidade dos ingredientes, pois depende da aceitação e paladar de cada um, mas vocês verão como é simples.

Ingredientes
Tomate
Alho
Cebola
Azeite
Sal marinho – 1 pitada


Modo de Preparo

Lave bem os tomates e cozinhe-os com sal. A pele dos tomates começarão a levantar, então pode retirá-los da água e descascá-los.
Refogue o alho e a cebola no azeite e acrescente os tomates sem pele, deixando cozinhar em fogo baixo. Depois de pronto o molho, separe em potes de vidro e coloque no freezer.

Para usar o molho é só descongelar, e se quiser pode acrescentar alguns temperos nesse momento.


Beijos Gabi

Deixe um comentário »

2 EM 1

Fiz um curso com o Renato Caleffi, chef do Le Manjue, e uma das receitas do curso foi o leite de sementes e da mesma receita conseguimos fazer a ricota de sementes. Além da praticidade e facilidade, ambas as receitas são livre de lactose e das proteínas de difícil digestão presentes no leite. Vou passar a receita utilizando a macadâmia, mas com castanha do Brasil, também chamada de castanha do Pará, e outras oleaginosas também fica ótimo e o procedimento é o mesmo, ok?!

Leite de macadâmia, cacau e canela

1. Hidrate a quantidade de macadâmia desejada por 24 horas, trocando a água ao menos 2 vezes. As sementes liberam alguns fatores anti-nutricionais que serão desprezados com esse procedimento – se não conseguir deixar de molho (sempre em água filtrada) as 24 horas, deixe ao menos 2.

2. Depois de jogar fora a água, bata a macadâmia com o dobro de água no liquidificador – se você utilizou 1 xícara de macadâmia, coloque 2 xícaras de água filtrada.

3. Em um copo, ou jarra, peneire o líquido, amassando com uma colher. A parte sólida, após a máxima eliminação da água, deve ser colocada em um recipiente a parte.

O leite de macadâmia está pronto! Pode ser utilizado em receitas, como substituto de outros leites, ingerido com café ou achocolatado ou cacau, etc. Use a criatividade e aproveite esse leite delicioso!

Ricota de Sementes

A ricota também está pronta, mas assim como a convencional, se temperada melhora muito o sabor. Algumas sugestões de tempero: alho, cebola, azeite, orégano, pimenta… Aqui também pede criatividade! Essa ricota pode ser servida de aperitivo.

Enfim, as 2 receitas estão prontas e com 1 só procedimento, facílimo vai?!

OBS: Gente sou péssima com fotos, sempre esqueço de tirar, então acabo recorrendo aos sites que tem imagens. A do leite eu tirei, mas da ricota eu esqueci, então recorri ao Google, mas deveria ter pego as 2 fotos, pois acho que a do leite estaria melhor também.

 

Beijos Gabi  

1 Comentário »

Elogios não bem vindos

Quando se trata da formação do ser humano, pequenos detalhes fazem uma diferença significativa.

Nos últimos anos foram desenvolvidos diversos estudos sobre o efeito de elogios em crianças. Um deles me chamou uma especial atenção.

Nesse estudo, 400 crianças americanas, estudando a quinta série do ensino fundamental foram desafiadas a montar um quebra cabeça relativamente fácil. Ao final, metade deles foram elogiados pela sua inteligência (“Nossa, como você é esperto!”; “Muito inteligente para idade”) e os demais pelo seu esforço (“Valeu o empenho!” “Você é esforçado!”)

Na segunda etapa, as crianças foram convidadas a um novo desafio, que poderia ser semelhante ao anterior ou diferente, dependendo da escolha pessoal. Para surpresa de todos, as crianças que foram elogiadas pela inteligência preferiram o desafio semelhante e as que foram elogiadas pelo esforço escolheram o desafio diferente, em sua maioria.

As crianças elogiadas como inteligentes tendem a separar coisas em que são “bons” e “ruins”, evitando situações que podem não atingir sucesso. Logo, a auto estima começa a sofrer a cada desafio encontrado e isso vai refletir no resto de suas vidas.

crianca

Portanto, se você é mãe, tia, avó, madrinha, pai, padrinho, irmão, professor, evite rótulos, não diga que as crianças são inteligentes, elogie de outras formas, esforçado, persistente, aventureiro… O poder de apenar 1 palavra sobre o desenvolver da vida é enorme.

Fonte: Carol S. Dweck / Ph.D. Social and Developmental Psychology / Mindset: The New Psychology of Success

Beijos Mari

Deixe um comentário »

Dicionário das Fezes

Escala de Bristol

Fezes! Que tema né? Algumas das minhas perguntas de rotina para os pacientes, ou amigos que se queixam de algo relacionado a alimentação/ digestão são:
Como é a função intestinal?
Evacua todos os dias?
Quantas vezes (ao dia/ na semana)?
Qual a consistência das fezes?

Não é raro as pessoas reagirem timidamente a essas perguntas. Quero deixar claro aqui que estamos mais do que acostumados com esse assunto, é fisiológico.Essas perguntas são de fundamental importância para o conhecimento dos processos digestivo, absortivo e de eliminação de nutrientes e toxinas e se você não evacua diariamente, procure um profissional, pois está havendo algum desajuste no seu organismo.
Ao mesmo tempo que nos deparamos com reações mais inibidas, frequentemente encontramos pessoas que adoram falar sobre o tema, dar detalhes, etc. A este grupo, damos o nome de escatológico, palavra que deriva de excrementos. – Fica essa curiosidade!

Abaixo está a definição de do formato das fezes e sua consistência e a relação com a alimentação. Procure o seu tipo de formação fecal e descubra como melhorar.

Formato de bolinhas e duras, que exige esforço para serem eliminadas: Sua alimentação está deficiente em fibras, que fazem a “conexão”, evitando que as fezes saiam em bolinhas e água,  que proporciona o amolecimento das fezes, facilitando sua eliminação.

Forma de salsicha, mas segmentada: Bem semelhante ao exemplo anterior, porém nesse caso as bolinhas se juntam. Assim como acima, é necessário aumentar a ingestão hídrica e a quantidade de fibras, portanto consuma mais frutas, verduras, legumes, mastigue-os bem. Evite doces e farinhas refinadas.

Forma de salsicha mas com rachaduras/ fendas na superfície: Baixa ingestão de água. Aumente o consumo de chás, sucos naturais e claro, água.

Formato de salsicha ou banana lisa e amolecida: Formato ideal!

Pedaços moles, mas com contornos nítidos: Priorize legumes e grãos cozidos e as frutas e procure um nutricionista.

Pedaços aerados, contornos esgarçados: Pode ser indicativo de alergia ou intolerância alimentar, procure um especialista.

Aquosa sem peças sólidas: Provável infecção, portanto evite alimentos com fritos, com gordura e beba muita água, uma vez que o líquido está sendo eliminado em larga escala. Se persistir, não deixe de procurar um médico.

Perceberam o quanto as fezes dizem sobre nós? Que daqui em diante as fezes sejam tratadas com mais respeito! 🙂

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Mercúrio e Metais Pesados nos Peixes

Peixes
Fonte de ômega-3, também conhecido como gordura “saudável”, os peixes compõem o grupo das proteínas de origem animal com a vantagem de apresentar baixo teor de gordura e maior facilidade de digestão. Todavia, não são dotados exclusivamente de qualidades nutricionais positivas. Infelizmente grande parte dos peixes está contaminada por poluentes e químicos encontrados no mar e rios, como mercúrio, cádmio, chumbo e arsênio. Para se ter uma idéia do tamanho do estrago que pode causar, uma vez ingerido o cádmio demora, em média, 30 anos para ser eliminado do organismo. Além do efeito cancerígeno, a intoxicação por alguns desses componentes pode causar danos irreversíveis no sistema nervoso.

Diversos estudos foram realizados com os peixes mais consumidos pela população brasileira para avaliar os níveis de contaminação por metais pesados, entre eles o cação, atum, sardinha, pescada branca, salmão, linguado e o pacu (peixe de água doce). Foram analisados os teores de chumbo e mercúrio e pasmem, T-O-D-O-S apresentavam alguma quantidade de mercúrio, substância tóxica ao sistema nervoso. Notem, porém, que o teor de mercúrio encontrado nos peixes acima citados está dentro do valor tolerável, com exceção do cação – também conhecido como lixeiro do mar – cujo índice ultrapassa qualquer limite tolerável.
Peixe e antioxidantes

Outra questão que acho importante mencionar é quanto as famosas cápsulas de ômega-3. Muitas pessoas consomem esse suplemento sem recomendação ou orientação, mas desconhecem que a grande maioria das marcas apresenta contaminação por mercúrio e, ao invés de nutrir, as pessoas acabam se intoxicando por esse metal.

Para minimizar essas contaminações, sugiro uma dieta incluindo peixes pequenos e peixes não predadores de outros peixes. Além disso, é importante lembrar que as frutas, hortaliças e temperos naturais, em função de seus poderes antioxidantes, auxiliam na eliminação dos componentes mencionados.

 

Beijos Gabi

2 comentários »

Boa Noite de Sono

sono-bebe

Após um dia movimentado e corrido, o grande desejo é ter uma boa noite de sono. Entretanto, não basta estar em casa e deitar, a grande dificuldade é relaxar durante a noite e ter um sono reparador, essencial para restabelecimento da forma física e do raciocínio. Além disso, diversos estudos trazem a importância do sono adequado para o sistema imunológico, melhora do humor e desempenho ao longo do dia.

Durante a noite, o sono passa por algumas fases, a imagem a seguir ilustra essas fases, de acordo com a duração.

sono

Um dos grandes aliados ao sono reparador é a prática de exercício físico. Dentre os benefícios da vida ativa para o sono estão:

RELAXAR DURANTE A NOITE – Durante a atividade física, há a liberação de endorfina, um neurotransmissor responsável pela sensação de bem estar e atua como analgésico.

DORMIR SEGUIDO – A prática de exercício físico aponta para um sono mais profundo com menos despertares durante a noite.

DIMINUIÇÃO DA APNÉIA – A apnéia do sono, é uma parada na respiração repentina e temporária, que normalmente está associada ao ronco. Com a prática de exercício, há melhora no condicionamento cardiorespiratório e com isso vem a diminuição da apnéia.

Atenção: É recomendado evitar exercícios 4 horas antes de ir para cama, no mínimo, para obter um sono reparador.

Beijos Mari

Deixe um comentário »

Repercussões da Maçã na Saúde

Apple

Muito consumida, é fácil levar a maçã em qualquer lugar, seu sabor é agradável e seus benefícios diversos.

É comprovada a capacidade de frutas e vegetais reduzirem o risco de doenças crônicas, como doença cardiovascular e câncer. Devido seu alto teor de fitoquímicos, em especial os flavonóides (antioxidante), estudos associam o consumo da maçã com a redução do risco de alguns cânceres, principalmente o de garganta, doenças cardiovasculares, asma e diabetes, além de ajudar na perda de peso. A composição de fitoquímicos varia com o tipo da maçã e com sua maturação e seu processamento impactua no efeito desse componente, por isso a importância de revezar os tipos da fruta (Gala, Fuji, Verde, etc.).

Seu alto poder antioxidante inibe e minimiza alguns fatores nocivos à saúde, entre eles a proliferação de células cancerígenas e ajuda a reduzir o colesterol. As catequinas e epicatequinas galatos, outras substâncias antioxidantes que ajudam a prevenir eventos cardiovasculares, presentes também em alguns chás como o chá verde, parecem ser mais biodisponíveis na maçã do que nos chás, isso significa que na fruta, sua absorção é mais potente.

Com tantos antioxidantes, é importante mencionar que tanto o teor antioxidante quanto sua atividade são potencializados quando a fruta é consumida com casca. A proliferação de células cancerígenas também é inibida com mais eficiência em presença da casca.

A figura abaixo mostra a quantidade de antioxidantes de algumas frutas. Nesse estudo, a mação perdeu apenas para o cranberry!

Frutas Antioxidantes

Após tantos benefícios, um alerta: o caroço da maçã possui cianeto, substância tóxica que em altas concentrações pode ser letal.

Vamos comer mais maçã? Mas não esqueça de desprezar o caroço!!

 


Beijos Gabi

1 Comentário »

Festivais de Sopas

Nesses últimos dias, nada como uma sopa para aquecer uma noite gelada. Além de serem saborosas, quentinhas, são um conforto para o estômago.

Alguns restaurantes e padarias possuem Festivais de Sopas nessa época, onde é possível desfrutar de uma diversidade de sabores por um preço fixo. Existem diversas opções, que vão dos mais acessíveis aos mais requintados, para agradar a todos.

sopa

Vejam algumas opções:

PANELA DA CECÍLIA

Ambiente simples, próximo ao metro Santa Cecília, oferece 6 tipos de sopa com acompanhamentos com valor fixo de R$ 10,90.

Rua Dona Veridiana,14, Higienópolis – Tel: (11) 2914-7510

RANCHO DA EMPADA 

Oferece 4 tipos de sopa, que alternam entre caldo de mandioquinha, caldo verde, caldinho de feijão, caldo de ervilha, caldo de queijo e caldo de cenoura, além de acompanhamentos por R$ 22,90 por pessoa. Há a opção de tomar a sopa do dia por R$ 9,00.

Rua Sena Madureira, 557 – Vila Clementino.Tel.: (11) 5904-7650

RESTAURANTE MARAJÁ

Aproximadamente 13 opções de sopa por Rs 25,90, fora acompanhamentos. Para acompanhar a primeira taça de vinho sai por R$ 4,00 e as demais R$ 7,00.

Rua Martins Fontes, 153 – Centro. Tel.: (11) 3104-8727

FESTIVAL DE SOPAS CEAGESP

O Festival 2013 vai até 18 de agosto e oferece novas opções de sopas a cada semana. As mais pedidas são sopa de cebola e cebola gratinada, essas estão sempre presente. Come-se a vontade por R$ 26,90. Funciona de quarta à domingo.

Av. Dr. Gastão Vidigal, 1946 –  Entrada pelo Portão 3 do Ceagesp.– Vila Leopoldina. Tel.: (11) 94160-1906

GALERIA DOS PÃES

São 6 sabores de sopas no valor de R$ 31,80, que inclui diversos acompanhamentos, como pães, frios, minisalgados fritos e assados, bolos, tortas, patês, queijos, torradas, frutas , chás, leite, café e sucos. Aos domingos o espumante é incluso no valor e há música ao vivo.

Rua Estados Unidos, 1645 – Jardim América. Tel.: (11) 3064-5900

TERRAÇO ITÁLIA

O Bufê irá até dia 14 de agosto, de segunda a quarta feira. Nesses dias são servidas 4 sopas dentre as 11 opções do cardápio, alternam conforme a escolha do chef. Custa R$ 78,00 por pessoa e inclui pães e frios,

Avenida Ipiranga, 344, 42º andar –República. Tel.: (11) 2189-2929

sopa1

 

Para os amantes de sopas, cremes e caldos, vale a pena curtir essa época do ano para saborear essas preparações. Essas são algumas opções, existem diversos festivais. Se frequentou algum, conte para nós sua opinião! Vale a pena ligar nos restaurantes e padarias para informações como dia e horário de funcionamento e confirmar os valores.

Preste atenção em ingredientes que agregam calorias e não adicionam valor nutricional como: creme de leite, bacon, paio, calabresa e lombo, embutidos e defumados, temperos e caldos industrializados, queijos em geral e pãezinhos e croutons como acompanhamento.

Bom  Apetite

Beijos Mari

Deixe um comentário »

Gengivite

Gengivite - Escovação

Só quem tem, ou teve, sabe o incômodo que essa inflamação pode causar. No final do ano passado sofri com essa inflamação pela primeira vez na vida e, com auxílio de alguns dentistas, tratei. Após alguns meses voltei ao meu dentista, que estava ausente na época da crise e contei o ocorrido. Ele me acompanha desde criança e é especialista em gengivas, então me deu uma aula de primeira linha sobre o assunto e foi nesse dia que constatei os prejuízos que a má escovação e a falta da mesma após se alimentar podem causar.

Escovar os dentes é uma prática básica e, portanto, consiste em uma necessidade diária. A instrução adequada para esse ato é imprescindível. Existe uma técnica específica que aumenta a área da limpeza e a torna mais eficiente.

Sabemos, portanto, que a gengivite é uma inflamação causada pela má escovação dos dentes e da gengiva, ocasionando o depósito de restos de alimentos na cavidade oral. Já falamos aqui e aqui sobre a importância da mastigação, que também ajuda na digestão,  processo realizado por inúmeras bactérias e seu início se dá na boca. Esse órgão é naturalmente colonizado por bactérias. A escovação ajuda a evitar que essa microbiota se altere, gerando um ambiente propício para bactérias patogênicas/ indesejadas.

Gengivite - Digestão

O que nos alimenta também serve de alimento para esses microorganismos, portanto qualquer resíduo alimentar presente na boca serve de energia para as bactérias indesejadas. É fundamental que escovemos os dentes após ingerir alimentos. No entanto, uma simples escovação não elimina as bactérias causadoras das placas dentárias. Placa, nada mais é do que a colônia desses microorganismos, os quais liberam substâncias tóxicas. O Doutor Paulo fez uma comparação interessante entre nós, seres humanos, e as bactérias. Segundo ele, assim como nós excretamos as fezes após a alimentação, as bactérias também excretam substâncias tóxicas, que na boca desencadeiam a inflamação. Essa inflamação interfere na conexão da raiz do dente com o osso, deteriorando o osso e podendo até evoluir para o amolecimento seguido da queda de um dente ou mais. Assustador né?!

Quando escovamos os dentes e alguns lugares começam a sangrar, é indicativo de inflamação, então são esses os lugares que devemos caprichar ainda mais na escovação e na limpeza com o fio dental.

Se apertarmos a gengiva levemente, logo abaixo do dente, observaremos uma ligeira área esbranquiçada no meio. Isso é o sulco, lugar propício e com temperatura adequada para as bactérias se alojarem e proliferarem. A sobra de restos alimentares na boca cai direto nesse ambiente permitindo a formação de colônias bacterianas, também conhecidas como placas.

Bactéria se alimenta principalmente de açúcar, portanto em condições de maior vulnerabilidade a bactérias, como candidíase oral e gengivite, evite o consumo de açúcar. Na boca, o carboidrato se transforma em açúcar (primeira etapa do processo de digestão). Como não devemos excluir esse grupo alimentar da dieta, é ideal que sejam priorizados os cereais integrais e ricos em fibras.

Ao sair do consultório, o Dr. Paulo sugeriu que eu passasse essas informações para os pacientes, pois a microbiota bucal interfere diretamente na microbiota intestinal, podendo, por exemplo, estimular ou desregular a função intestinal. Por isso o meu post de hoje!

Forma correta de escovar os dentes:
Com a escova em ângulo de 45 graus, esfregue por 30 a 40 segundos os dentes e a intersecção dos mesmos. Nos dentes do fundo, divida as cerdas da escova ao meio e esfregue-os também por cerca de 35 segundos e continue a higiene bucal por toda a boca. A escovação demora, mas depois fica tudo livre de bactérias.
Outra dica do Dr. Paulo deu, foi de pegar uma gaze e esfregar na língua no sentido de dentro para fora. Essa prática higieniza a língua da mesma maneira que a escova, mas evita aquela sensação de ânsia de vômito bastante freqüente.
Apesar de descrever aqui, é sempre bom pedir orientação ao profissional da área.

A higiene oral é mais um hábito que devemos incluir na rotina enquanto que a alimentação balanceada contribui para uma microbiota saudável.

 

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Comendo Brotos

Broto de Feijão
Os brotos agregam muitos minerais à saúde. Ricos em fósforo, cálcio, magnésio e zinco e pobres em calorias, os brotos ajudam no bom funcionamento intestinal e fornecem saciedade, uma vez que são ricos em fibras.

Os mais facilmente encontrados são o broto de feijão, também conhecido por moyashi, e o broto de alfafa, mas o broto de bambu e de quinua também fazem parte desse grupo.

Broto de feijão: possui vitamina C, ferro, proteínas e cálcio.

Broto de alfafa: por ser rico em fibras, age com eficácia no funcionamento intestinal.
Broto de alfafa

Os brotos podem ser consumidos puros, mas particularmente, gosto bastante em saladas. O broto de alfafa tem sabor bem ameno, já o broto de bambu, costumo colocar um pouquinho de shoyo sem glutamato monossódico. Podem ser feitos molhos para acompanhar os brotos também, molho de frutas vermelhas dá uma combinação interessante ao moyashi.

O ideal é que os brotos sejam incluídos semanalmente na dieta, assim também favorece a maior variedade de alimentos.

Beijos Gabi

1 Comentário »

Higiene do Sono

Postura Correta

Durante o período de repouso, o qual chamamos de sono, nosso organismo realiza funções que interferem diretamente na saúde, bem como o fortalecimento do sistema imunológico, secreção e liberação de hormônios, consolidação da memória, além do relaxamento e recuperação muscular.

Você sabia que dormir mal aumenta em até 30% a chance de adquirir dores crônicas? Dormir bem é essencial para manter-se saudável, melhorar a qualidade de vida e até aumentar a longevidade. O desempenho físico e mental está diretamente ligado a uma boa noite de sono.

Dormir bem contribui para o combate da obesidade. Quando sentimos sono necessitamos de energia, portanto incluímos mais calorias em nossa dieta. Frequentemente essa energia provém de carboidratos e de preferência os refinados, uma vez que fornecem energia mais rapidamente.

Para melhorar a qualidade do sono, alguns hábitos devem ser incorporados, veja algumas dicas para colocar em prática a higiene do sono:

– O quarto deve ser confortável, fresco, escuro e silencioso. (A secreção de alguns hormônios, como a melatonina, é liberada sob ambiente escuro).

– Faça refeições leves antes de dormir.

– Cafeína e bebida alcoólica são prejudiciais ao sono. A cafeína é estimulante, já o álcool, apesar de ajudar na indução do sono, atrapalha sua manutenção.

– A posição para dormir e durante o sono deve ser adequada, preservando a estrutura do corpo e os membros. A ideal altura do travesseiro (ombro à orelha) e o material firme, que não afunde muito, são imprescindíveis. O colchão também deve ter as características adequadas, evitando que seja muito mole ou muito duro, para somente acomodar o corpo. Um travesseiro entre as pernas também melhora bastante a qualidade do sono, uma vez que você estabiliza o corpo em uma posição adequada, considerando que a posição ideal para dormir é em decúbito lateral (de lado).

– Evite o uso de equipamentos como computador, televisão, etc. no local do sono. É importante que este ambiente seja associado ao local de descanso.

– Evite assistir televisão antes de dormir. Muitas pessoas acreditam que a TV induz o sono, ou que é um estimulante do relaxamento, mas muitos estudos comprovam que esse hábito prejudica a manutenção do sono, evitando que o sono seja reparador.

Essas são apenas algumas dicas, e como qualquer hábito, para adequar todas essas condições é necessário um pouco de paciência e persistência, porque nem sempre os benefícios são notados imediatamente.


Beijos Gabi

2 comentários »

Goji Berry

Goji Berry

 

O mais falado alimento atualmente não podia ficar de fora do blog. O Goji Berry é composto por vitaminas e minerais em concentrações bastante satisfatórias, fornecendo os ingredientes necessários para um sistema imunológico resistente. Assim como as berrys, essa fruta é riquíssima em antioxidantes, que combatem os radicais livres e retardam o processo de envelhecimento.

A prevenção de doenças cardiovasculares é positivamente associada com o consumo do Goji, pois atua na redução do LDL colesterol (colesterol ruim). Excelente fonte de vitamina C, além das vitaminas do complexo B, B1, B2 e B6, a fruta é originária da China.

O consumo regular do Goji minimiza a fadiga, estimulando, inclusive, melhor desempenho físico e o estresse também é reduzido. Além disso, ajuda na melhora da qualidade do sono, aumenta o nível de energia, facilita o despertar e a capacidade de concentração.

Por fornecer intensa energia, é recomendado consumi-la durante o dia.

Beijos Gabi

2 comentários »

Mello e Mellão Trattoria

Ontem tiquei mais um restaurante da minha lista. Há algum tempo queria conhecer o Mello e Mellão, mas acabo indo nos mesmos restaurantes e minha lista fica um pouco de escanteio, mas foi incrível, há muito tempo eu não saia tão satisfeita de um lugar. O ambiente é super charmoso e elegante, a carta de vinho é bem extensa e o atendimento não podia ser melhor, os garçons são extremamente atenciosos.

Couvert

Bom, vamos ao que mais interessa… O couvert super caprichado é composto por um pão de lingüiça delicioso (e eu não curto muito lingüiça, mas não resisti), uma cesta de pães que acompanha mascarpone fresco, feito na casa, que para mim foi o ponto alto da entrada porque é ultra leve e seu sabor também é bem delicado com uma textura super agradável, além disso vêm também a manteiga, foie gras, abobrinha agridoce (delícia), cebolinha e azeitonas e sardela. Palitos de cenoura também compõem esse “pequeno” banquete.

Depois de zerar a primeira etapa, parti para o prato principal, eu pedi o Risoto de alcachofra com presunto cru, que  era gigante e muito gostoso, deu dó que não consegui comer tudo, mas o outro prato, na minha opinião foi o campeão, Mezzaluna recheada com ementhal e damasco ao molho de açafrão. As massas são feitas lá mesmo pelo chef Hamilton Mello.

A sobremesa deu lugar ao famoso chá digestivo de hortelã natural.

Por ser uma Tratoria, o forte da casa são as massas mas tem opções para todos os gostos.

Esse lugar vale muito à pena, aproveitem o final de semana que está chegando para conhecer um lugar diferente!

OBS: ainda não me acostumei a tirar fotos dos pratos, então a cara dos pratos é surpresa, mas garanto que não deixam a desejar..

 


Beijos Gabi

www.mellomellao.com.br
Rua Pais De Araújo, 184 

1 Comentário »

Pãozinho Caseiro

As vantagens de fazer pão em casa são infinitas, dentre elas, há a possibilidade de escolher os ingredientes, adicionar fibras e sementes a fim de torná lo mais nutritivo, fora isso, são bem mais saborosos.  Os pães industrializados são ricos em sódio, estão cada vez mais caros e o sabor não é uma mil maravilha, não?

Está esperando o que para colocar a mão na massa??

Essa semana, fiz em casa, um pãozinho de dar água na boca… Deixo a receita para vocês!

Reduzi a quantidade de açúcar e óleo em comparação a receita original, o resultado foi positivo, na próxima farei outros testes.

INGREDIENTES:

600 ml de leite a temperatura ambiente

3 ovos

1/2 copo americano de óleo

1/2 copo de açúcar

1 colher de chá de sal

2 tabletes de fermento para pão

1 kg de farinha da trigo

Pão

COMO FAZER?

– Bata no liquidificador os seguintes ingredientes: leite, ovos, óleo, açúcar, sal e fermento.

– Ao obter uma massa homogênea, adicione um pouco da farinha e bata mais um pouco

– Despeje em uma bacia e misture a farinha aos poucos

– A massa fica molenga, pode misturar com auxílio de uma colher

– Cubra a massa e deixe crescer

– Divida em 2 formas para pão, untadas e enfarinhadas

– Deixe crescer mais um pouco

– Leve em forno médio pré aquecido, por aproximadamente 30 minutos

Pão2

Essa receita é prática, rápida e permite diversas variações, é só usar a criatividade… Já testei algumas e deixo as sugestões:

PÃO DE ALECRIM – Misturas bastante alecrim picado à massa, depois de crescida, antes de colocar na forma. No topo de pão, passe azeite com auxílio de um pincel e polvilhe sal grosso.

PÃO COM GRANOLA – Misturar granola a gosto, na massa, após crescida.

PÃO COM NOZES E UVAS PASSAS – Mesmo processo, somente substitua os ingredientes.

PÃO INTEGRAL – Substituir na receita, 1 kg de farinha de trigo por 500 g de farinha de trigo e 500 g de farinha integral.

 

Bom apetite

Beijos Mari

1 Comentário »

La Cuisine des Amis – Aula de Culinária

Alguns dias atrás, uma amiga me convidou para seu aniversário, onde juntou um grupo de amigas e contratou uma Chef para dar aula de culinária. Fizemos nosso almoço, de maneira divertidíssima e deliciosa.

A Chef, Paula Passos, do La Cuisine des Amis, é formada pela escola Le Cordon Bleu, em Paris, além de diversos cursos nomeados. Ela levou seus materiais, as receitas e nos explicou passo a passo.

O resultado, após muitas risadas,  foi o  seguinte cardápio:

Prato Principal: Medalhão de Filé Mignon ao Molho de Vinho Tinto com Purê de Batatas Rústico

Sobremesa: Suflê de Goiabada com Catupiry

lesamis11

 

Além das aulas, o site dispõem informações sobre eventos, como pequenos jantares, brunchs, lanches para até 50 pessoas e doces feitos sob encomenda. Vale a pena conferir.

Clique aqui para acessar o site La Cuisine des Amis. Aqui o facebook, cheio de fotos de dar água na boca.

Ótima idéia para comemorar com os amigos de maneira diferente! Vale a pena dar uma fuçada e quem sabe em uma próxima festa, contratá-la.

Para finalizar deixo umas fotos de preparações feitas em outras aulas:

lesamis

lesamis2

 

De dar água na boca…

Beijos Mari

 

Deixe um comentário »

Biomassa de Banana Verde

Banana Verde
A banana é produzida na maioria dos países tropicais e é uma das frutas mais consumidas no mundo. Além concentração de carboidrato e energia, também apresenta alto teor de vitaminas e minerais.

Quando verde, a banana é considerada um alimento funcional, pois no processo de aquecimento apresenta alta quantidade de amido resistente, que no intestino delgado não é digerido e absorvido e ainda pode sofrer fermentação no intestino grosso, estimulando a síntese de bactérias benéficas presentes no intestino com conseqüente adequação do trânsito intestinal e favorecendo também a absorção de nutrientes essenciais. Como podem notar, os benefícios desse super alimento são diversos e ainda não acabaram. A banana verde ajuda na liberação gradativa da insulina, mantendo os níveis estáveis, portanto é uma ótima pedida para diabéticos, mas para os não diabéticos que precisam perder uns quilinhos também é excelente por essa mesma razão, além de promover saciedade e poupar o metabolismo, uma vez que não há picos extremos de glicose no sangue. Isso significa que verde, a banana privilegia todos os públicos.

Podemos acrescentar a banana verde na forma de biomassa ou farinha, ideais para o preparo de bolos e outras delícias podendo, muitas vezes substituir a farinha de trigo. Podem ser acrescidas também no cozimento do feijão e outras comidinhas caseiras.

Apesar de seus benefícios serem enaltecidos quando submetidas ao aquecimento, a banana verde fria também é considerada boa fonte de fibras, portanto também ajuda na função intestinal e saciedade e pode ser incorporada em sucos e vitaminas de frutas.

A biomassa pode ser comprada pronta em lojas de produtos naturais ou pode ser feita em casa da seguinte maneira:

Selecione 5 bananas verdes de qualquer tipo com casca e de preferência com o cabinho (rende cerca de 250g de biomassa) e lave-as individualmente com uma esponja ou escova própria para alimentos. Enxague bem.

Em uma panela de pressão sem a tampa ferva uma quantidade de água suficiente para cobrir as bananas e coloque-as após a fervura. Tampe a panela e cozinhe na pressão por 7 a 8 minutos. Desligue o fogo e mantenha as bananas na pressão por mais 12 minutos. Espere até que o vapor saia naturalmente sem forçar a abertura da panela (passando água na panela, por exemplo). Retire as cascas da banana e passe a fruta em seguida para um processador ou liquidificador. As bananas devem ser processadas bem, até obter uma massa bem espessa. Se não for utilizar a biomassa imediatamente, guarde a polpa em um saco plástico e coloque no congelador.

Algumas observações importantes: As bananas não podem esfriar, então mantenha as bananas em água quente enquanto não são descascadas. Isso evita que a massa esfarele. A polpa pode ser armazenada por até 4 meses no congelador.

 

Mais uma dica, mais um hábito a ser incorporado!

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Projeto Identidade – Na Cozinha do Brasil – Leite

Eleite o “superchef” pelo reality show do programa Mais Você, Henrique Gilberto, de Belo Horizonte, atual proprietário do restaurante Belo Comidaria, conta um pouco sobre o Leite!

A receita é de Vitelo em terreno mineiro com natas de alho poró. É uma receita trabalhosa, mas para os pacientes na cozinha, deve valer a pena… As fotos dão água na boca. Clique aqui para ver a receita.

leite 2

leite

Beijos Mari

Deixe um comentário »

Castanha de Baru: “Viagra do Cerrado”

Castanha de Baru

Bastante consumidas, as oleaginosas como castanhas, nozes, pistache, macadâmia, avelã, amêndoas e amendoim são ricas em minerais, e de quebra fornecem os ácidos graxos fontes de ômega 3, 6 e 9 conhecidos por serem “gorduras saudáveis”.

Outra semente que também nos beneficia por sua composição é a Castanha de Baru. Pouco conhecida, a castanha é fruto do baruzeiro, típico no cerrado e seu sabor se assemelha ao do amendoim, ou seja, uma delícia! Apresenta alto teor protéico e energético, é rica em fibras, ácido graxo oléico e linoléico, conhecidos como ômega 9 e 6 respectivamente, ferro e zinco. Além desses, fornece outros minerais muito importantes e, infelizmente, bastante deficientes em parte da população brasileira, tais como magnésio e cálcio.

Castanha de Baru aberta

Também é conhecida como “Viagra do Cerrado” porque é a forma que o fruto é chamado na região de origem por causa do seu potencial na libido. Isso se deve à elevada concentração de zinco e energia da castanha.

Há relatos de que essa semente possui substâncias antinutricionais, como tanino e fitatos, que interferem na biodisponibilidade de nutrientes, entre eles o cálcio (biodisponibilidade, em termos simplificados, é a quantidade que será absorvida do nutriente pelo organismo). Sugere-se então que a melhor forma de consumo seja torrada, uma vez que este processo inativa essas substâncias.

Ainda não aparece com grande freqüência nos mercados nem mesmo em lojas de produtos naturais, mas em breve acredito que ocupará as prateleiras dos “mais vendidos”. Na feira da Natural Tech, que aconteceu no último final de semana, havia stands dessa castanha por todos os lados.

Beijos Gabi

1 Comentário »

Dieta do Mediterrâneo

Conhecida pelos resultados benéficos pela no risco de eventos cardiovasculares, a dieta consiste na prática diária de atividade física e consumo de cereais integrais, frutas,verduras, feijões, leguminosas e oleaginosas. O azeite extra-virgem também já está incorporado a esta dieta, além do vinho que, com moderação, faz parte do ritual, mas pode ser substituído por um bom suco de uva. Dos alimentos protéicos, os mais consumidos em ordem decrescente devem ser peixe, frango,
ovos e por último a carne vermelha, que deve ser restrita a algumas vezes ao mês.

 

Piramide dieta do mediterraneo

 

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Querida Marmita…

Uma saída para quem trabalha e costuma comer na rua, são as famosas marmitas, que possibilitam uma alimentação mais adequada e de quebra, permite uma bela economia. Antigamente, sinônimo de simplicidade e dificuldade financeira, hoje nos remete a qualidade alimentar e modernidade.

Eu mesma me rendi à elas este ano. Estou estudando e trabalhando durante o dia e teria que comer em restaurantes. Como solução, recorri à “marmitinha de casa”. Comprei uma lancheira térmica e alguns potinhos em tamanho pequeno e médio. Na noite anterior, já preparo uma salada, o prato principal e uma fruta de sobremesa. Deixo acondicionada na geladeira até o dia seguinte. Pela manhã, guardo na lancheira térmica e ao chegar no local de trabalho, coloco na geladeira novamente. Assim, evito perder as características dos alimentos e possível contaminação.

Tirei uma foto para ilustrar… Dentro do potinho fechado, estava a preparação quente e no menor, a fruta picada.

20130516_122020

Para quem não tem microondas no trabalho ou local de estudo, algumas opções práticas como, por exemplo, atum, peito de peru, frango a vácuo, queijos magros, são boas pedidas.

Caso não haja geladeiras no local, dentro da lancheira, leve placas de gelo, afim de manter a temperatura. Além disso, evite alimentos com baixa durabilidade, como ovos, molhos, frutos do mar.

Outra opção são as marmitas térmicas, encontradas no mercado a partir de R$ 50,00.  Abaixo, a foto de um tipo, porém existe uma variedade incrível.

marmira

Para aumentar a durabilidade das folhas, basta seca-las com auxílio de papel de frituras. Além das folhas, use a criatividade na hora de montar as saladas, bases de massa integral, grãos, arroz, legumes diversos, pré cozidos ou crus.

Deixe para temperar a salada na hora de comer, senão as folhas irão murchar.Temperos podem ser levados em garrafinhas próprias. Eu comprei potinhos de shampoo para viagem e levo azeite e sal para temperar saladas (como na foto acima).

Como sobremesas, uma boa opção são frutas, tente variar ao máximo e sempre que possível leve cortada em potinhos para ficar mais prático.

marmitas-trabalhoRenda-se a marmita e melhore a sua alimentação!

Beijos Mari

Deixe um comentário »

The Fast Diet

The Fast Diet

 

A Folha de São Paulo de hoje traz uma matéria sobre o livro que está liderando o ranking de best-sellers do site Amazon, cujo título é o mesmo que usei para esse post. O livro chega em setembro no Brasil com o título traduzido para “A Dieta dos 2 Dias”.

O livro propõe que por 2 dias na semana, a ingestão não deve ultrapassar 500 calorias no caso da mulher e 600 pelos homens, já nos outros 5 dias, a ingestão é livre. Os autores fazem referência aos dias mais restritivos como “jejum”.

Apesar de no livro haver uma lista de benefícios com a prática dessa dieta, não há qualquer pesquisa científica que afirme o mesmo a longo prazo.

Considerando que objetivo seja atingido e o indivíduo perca peso, uma dieta restrita raramente é uma boa opção. O que ocorre com frequência é o método de compensação, que isso pode colocar tudo a perder, ou seja, nos dias em que a ingestão calórica é livre, o consumo alimentar pode aumentar muito em virtude dos dias “jejuados”. Além disso, não requer uma educação alimentar, os alimentos que deveriam ser priorizados, em muitos casos serão excluídos ou reduzidos da dieta habitual, prejudicando entre outros aspectos a saúde do indivíduo.

É importante lembrar que os alimentos são de fundamental importância para o bem estar do ser humano, uma vez que interfere diretamente no funcionamento metabólico.

 

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Projeto Identidade – Na Cozinha do Brasil – Palmito Pupunha

O ingrediente de hoje, Palmito Pupunha, fica nas mãos do chef do restaurante Marcel, em São Paulo, Raphael Despirite.

foto-9

 

A receita deu água na boca.

INGREDIENTES

15 ml óleo de avelãs
10 g de avelãs moídas
Quanto baste de flor de sal
150 g de cogumelos laminados
100 g de palmito laminado
30 g de parmesão Grana Padano ralado
Folhas de manjerona
1 maço de manjerona fresca

MODO DE PREPARO

Corte o coração do palmito em lâminas finas com uma mandolina benriner. Depois, regue com um fio de óleo de avelãs, espalhe flor de sal e toste com um maçarico de cozinha. Laminar um cogumelo castanho e dispor as lâminas por cima do palmito. Espalhe algumas avelãs já tostadas, rale um pouco de queijo curado com um microplane. Finalize com algumas folhas de manjerona e um fio de óleo de avelãs.

Beijos Mari

Deixe um comentário »

Maca Peruana

Maca peruana

Originária da Cordilheira dos Andes, esse alimento promete muitos benefícios. Apesar de ser rica em carboidrato, seu consumo pode ajudar na prevenção do diabetes, uma vez que é excelente fonte de fibras. Além disso, a maca peruana também contém ômega-3, queridinho entre muitos, pois ajuda na regulação do colesterol com conseqüente benefício para a saúde cardiovascular. Há estudos que associam positivamente o consumo da maca peruana com a hipertensão.

Fonte de cálcio, a maca peruana também pode ser utilizada para prevenir a osteoporose. Mulheres após a menopausa tornam-se muito vulneráveis. Junto com o consumo desse tubérculo, a prática regular de atividade física e exposição ao sol também é importante para evitar essa fragilidade óssea, uma vez que o metabolismo do cálcio é dependente da vitamina D, que por sua vez, é adquirida pela exposição ao sol.

O ferro é mais um nutriente presente em concentração satisfatória, podendo combater a anemia com conseqüente melhora da oxigenação, aumentando assim a disposição física.

Recentemente este superalimento tem sido relacionada à perda de peso e aumento da libido. O emagrecimento pode ser justificado pela quantidade de fibras presente na maca peruana, promovendo maior saciedade. Apesar da saciedade ser fundamental no processo de emagrecimento, o consumo de qualquer alimento isolado não realiza tal efeito, mas a diminuição das medidas serão notadas se a maca peruana for associada à prática habitual de atividade física e alimentação adequada. A maca ainda apresenta nutrientes que favorecem a formação de hormônios sexuais, sendo referenciada inclusive como potente afrodisíaco.

Não é à toa que a maca peruana é chamada de “superalimento”, não é mesmo?

 

 

Beijos Gabi

2 comentários »

Comidinhas Juninas em Boa Forma

Boa Forma - Sophie Charlotte

Eventualmente tenho feito o cálculo de calorias para a Revista Boa Forma. Gosto bastante de grande parte das matérias dessa revista, que traz as informações e curiosidades de forma sucinta. Tem boas receitas, dicas de alimentação e exercícios físicos.

Na edição desse mês, calculei as calorias das delícias da Festa Junina. A montagem das fotos ficou linda na página da revista. Quem não têm a revista, podem visitar o site da Boa Forma, mas se quiser acesso direto às calorias dos pratos típicos, clique aqui.

Festa Junina

Boas Festas Juninas!


Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Ak Vila

Ak

Fazia tempo que não postava sobre restaurante, mas hoje vim com uma dica boa para aqueles que saem sem rumo definido para comer. Semana passada fui no Ak Vila e fiquei perdidinha na hora de escolher meu prato. São muitas as opções sendo uma mais apetitosa que a outra. Escolhi já pensando no próximo prato que vou escolher da próxima vez que voltar.

Vou contar as minhas impressões por partes. Quando eu fui, não sabia onde estava indo, na verdade achei que seria levada no Marcelino Pan Y Vino, mas quando cheguei, percebi que era o Ak, que eu até tinha vontade de conhecer porque lembro de olhar esse restaurante na programação do Restaurantweek, mas confesso que não tinha grandes expectativas. De cara já me surpreendi, pois achei o ambiente super charmoso. Os garçons e o sommelier foram extremamente atenciosos, foi fora do padrão e logo em seguida veio a melhor parte… O cardápio. Todos os pratos parecem mesmo deliciosos.

Comecei a fazer uma seleção de alguns pratos que me atraíram mais, mas eram muitos, acho que seria mais fácil excluir os que não me interessaram tanto, rs. Então acabei escolhendo só alguns com as imagens.

Croquete de pato

A entrada que me deixou com mais água na boca foi o croquete de pato com geléia doce de pimenta, mas deixei para provar na minha próxima saída gastronômica.

Ak Nhoque
O Nhoque de berinjela defumada servido morno c/ tahine e tomates salteados foi a minha escolha de prato principal e acho que acertei, estava muito gostoso.

Cordeiro

As fotos que vi do Stinco de cordeiro com jus e jabuticaba, polenta rústica e sálvia frita estavam lindíssimas.

Berinjela

O acompanhamento que mais me interessou foi a Berinjela c/ tahine, tomate, manjericão, hortelã e gergelim. Achei super interessante a combinação de ingredientes, todos deliciosos e com bastante nutrientes.

Pudim de leite
E para finalizar com estilo, claro que não podia faltar a sobremesa. Por já ter sido eleito pelo Paladar como o melhor de São Paulo, o Pudim com doce de leite e flor de sal não podia ficar de fora.

Brownie com sorvete de gengibre

Mas acabei preferindo o chocolate e me deliciei com o Brownie com sorvete de gengibre.

 

No site tem mais informações, mas não deixem de experimentar as delícias desse restaurante.
Beijos Gabi


Rua Fradique Coutinho, 1240 – Vila Madalena
Tel: 3231-4496
3231-4497

1 Comentário »

Preservação dos Alimentos pelo Processo de Branqueamento

Branqueamento
O processo de branqueamento funciona como um pré-congelamento de frutas, verduras e legumes. É então considerado um tipo de pré-tratamento de alimentos que auxilia na conservação do sabor, da cor e textura e na redução dos riscos de contaminação por microorganismos.

Branqueamento

Como fazer para as características dos alimentos serem preservadas? Após a lavagem e higienização, o vegetal escolhido deve ser imerso em água fervente ou colocado sob vapor e, em seguida, submetido a um choque térmico, mergulhando o mesmo alimento em recipiente com água gelada. Após este tratamento, os alimentos já poderão ser congelados.

Simples assim.. Aproveite esse método, pois realmente funciona.

Beijos Gabi

1 Comentário »

Projeto Identidade – Na Cozinha do Brasil – Azeite de Dendê

A cultura brasileira vem carregada de movimentos, tradições, manifestações e cores únicas. A Todeschini, marca de móveis para cozinhar, convidou 8 chefs de regiões diferentes do Brasil com a missão de apresentar um ingrediente típico da cultura brasileira, como ele se instala na região e não poderia faltar: a receita de um prato típico utilizando o mesmo.

5

Para fazer parte de time, estão: Thiago Castanho (PA), Raphael Despirite (SP), Pedro de Artagão (RJ), Henrique Gilberto (MG), Rivandro França (PE), Marcelo Schambeck (RS), Kátia Najara (BA) e Felipe Schaedler (AM).

Vou divulgar aos poucos, os vídeos e as receitas.

O primeiroepisódio fica por conta de Kátia Najara, embaixadora da gastronomia baiana e protagonista da websérie Cozinha Finna:  o azeite de dendê.

Para saber a receita clique aqui!

Beijos, Bom início de semana

Mari

1 Comentário »

Alimentos Estimulantes

Cartão

Desde cedo a boca é a primeira fonte de prazer. Cozinhar deve ser uma proposta amistosa de reunir e aproximar pessoas queridas. O resultado que espera-se é sempre um brinde relacionado ao prazer.  Do ponto de vista científico, o poder afrodisíaco é considerado como elemento capaz de aguçar sensações sexuais no corpo humano por meio do aumento do fluxo sanguíneo, promovendo excitação cerebral e estimula os outros órgãos. São diversos os alimentos associados à afrodisias e Isabel Allende referencia muitos deles.

Estimulantes

Amendoim: melhora o organismo como um todo, incluindo a parte sexual.
Ostras: Fonte de zinco, participam no funcionamento orgânico.
Chocolate e cafeína: estimulantes que estimulam a libido.
Moluscos e crustáceos são considerados poderosos afrodisíacos
Camarão, lagostim, caranguejo, lagosta e outros crustáceos são saborosos, decorativos e muito afrodisíacos.
Ouriço do mar: considerado mais afrodisíaco que as ostras.
Amêndoa: associa-se à paixão e fertilidade. É o componente mais sensual da cozinha árabe. Na Itália era usada como remédio e excitante amoroso.
Abacate: textura suave.
Banana: poder afrodisíaco associado à forma fálica.
Tâmara: com o suco fermentado da coroa da tamareira prepara-se um licor altamente energético e afrodisíaco, chamado de vinho de palmeira.
Pêssego, damasco e ameixa: associa-se às partes íntimas femininas.
Morango e framboesa: ideais para o amor, pois convidam à sedução.
Romã: fruta associada aos rituais de fertilidade.
Figo: considerado afrodisíaco na Europa por sua forma e cor.
Maçã: associada ao pecado e à tentação.
Pêra: forma associada ao corpo feminino.
Uva: associada ao prazer e fertilidade. Da uva se fa o vinho, que também é associado às prazerosas emoções.
Pistache: popular em toda a Ásia.
Ovos de codorna: pequenos e vendidos também como afrodisíacos.
Caviar: ovas consideradas como afrodisíaco mais caro do mundo.
Alho: com propriedades curativas.
Alcachofra: como suas folhas são retiradas com a mão, uma a uma, apresenta um ritual afrodisíaco.
Aspargos e cogumelos: por sua forma fálica.
Espinafre: fortalece o corpo e as ânsias de amar.
Milho: simboliza fertilidade e abundância.
Trufa
Álcool: Diminui a inibição e eleva níveis de testosterona na mulher, mas em quantidades elevadas pode inibir a libido feminina e/ ou masculina.

 

 

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Dia dos Namorados

Pequenas atitudes alimentam a relação…

 

Dia dos Namorados

Dia dos Namorados

Dia dos Namorados

Dia dos Namorados

 

FELIZ DIA DOS NAMORADOS!

 

2 comentários »

Diaita

Alguns Produtos Diaita

Padaria artesanal e empório, a charmosa casa utiliza ingredientes integrais e alimentos orgânicos para dar qualidade aos produtos sem glúten e sem leite que oferece. Deliciosos, ainda levam mais uma característica muito positiva, uma vez que há a preocupação com o índice glicêmico dos alimentos, priorizando os de baixo índice glicêmico e grande utilização de fibras.

O mais curioso é a seleção dos ingredientes na preparação dos alimentos, pão de feijão branco, feijão preto, grão de bico, grissini de quinoa com funghi, trufa com pistache e por aí vai..

A recepção é de deixar saudade. Na primeira visita, a atendente separa diversos produtos preparados e vendidos no empório para degustação.

Além disso, o cardápio conta com opções de sucos diversos e um capuccino super interessante que pode ser servido em duas versões, uma é à base de castanhas, que é bem incorporado, e o outro, feito com amêndoas e mais suave.

Capuccino de Castanha

Um produto que fiquei fascinada foi a caponata de banana verde, além dessa tem a manteiga de macadâmia. De manteiga é só o nome, pois sua composição não leva nada de manteiga, dá para servir de aperitivo ou mesmo comer no café da manhã com pão.. É de comer rezando! São demais as misturas criadas nos produtos, é imperdível conhecer.

A Diaita também estará na Natural Tech, a feira que falei aqui.

No site vocês podem visualizar os prudutos.

Beijos Gabi

Deixe um comentário »

Bio Brazil Fair e Natural Tech

Bio Br Fair

 

De 27 a 30 de junho acontecerá na bienal do Ibirapuera a 9ª Feira Internacional de Alimentação Saudável, Produtos Naturais e Saúde. Essa feira visa os produtos orgânicos. É uma feira que gosto bastante e apesar de ser bem grande e ter produtos que fogem um pouco do ramo da alimentação, tem uma diversidade imensa de produtos, produtos novos, degustações mil, explicações muito boas e convincentes (por isso cuidado para não se deslumbrar e cair na tentação), enfim é o máximo!

Natural Tech
A Bio Brazil Fair e a Natural Tech são a união de 2 feiras em um mesmo lugar, a primeira é associada á BioFach, que traz novidades ecologicamente corretas e ambas traduzem todo o conceito de produto saudável, nutritivo, orgânico. Já a Natural Tech une beleza, saúde e bem estar, apresentando suplementos, fitoterapia, homeopatia, cosméticos naturais, alimentação saudável e ainda mais opções.

No site vocês encontram toda a programação, vale a pena conferir:

www.biobrazilfair.com.br
www.naturaltech.com.br

 

Beijos Gabi

1 Comentário »

Água em cada Segmento Corporal

 

Essas imagens eram para ter sido publicadas no post anterior, mas acabei postando antes de acrescentar essas imagens. Peciso comer mais ovo para melhorar a memória.. Como a hidratação é ultra importante para o funcionamento de cada órgão do corpo, achei que seria válido um post só com essa informação. O segundo quadro  mostra como o percentual de água no corpo humano é inversamente proporcional à idade.
% ÁGUA CORPO

 

 

ÁGUA AO LONGO DA VIDA

 

 

Beijos Gabi

 

Deixe um comentário »

%d blogueiros gostam disto: